Tudo sobre as aulas de canto ONLINE

Está em dúvida sobre como são as aulas de canto on-line? Ou então gostaria de melhorar a qualidade do que recebe e do que transmite em nossas aulas remotas? Leia até o final e transforme sua aula de canto ONLINE em quase presencial de tão boas que elas serão!

Em primeiro lugar precisamos fazer uma diferença BEM clara: aulas (mesmo que sejam on-line) não são a mesma coisa que métodos (que contêm em geral áudio e vídeo) que você pode comprar na Internet. Há métodos excelentes sendo vendidos, mas eles não substituem as aulas (on-line ou presenciais).

No método, você recebe um pacote de áudio, vídeo e/ou pdf e está sozinho (sem orientação nenhuma) para estudar. Quando falamos que oferecemos aulas ONLINE, queremos dizer que nossos professores (preparadores vocais) irão reservar um horário na agenda para fazer um vídeo chamado com você para resolver seus problemas técnicos ou estilísticos. Há professores que vendem métodos também, mas isso não significa que eles irão orientar pessoalmente (nem por meio de algum assistente) seu estudo.

No meu ponto de vista, qualquer cantor, mesmo que seja um treinador vocal experiente que tenha comprado e estudado vários métodos, deve fazer algumas aulas durante o ano com outras pessoas do mesmo nível ou até mais experientes. Converse com os melhores preparadores vocais do mundo e eles confirmarão isso para vocês.

Então, nas aulas on-line do NOSSAS, você terá um professor experiente durante todo o horário da aula passando exercícios e atividades em cima das músicas para você. É exatamente como se você tivesse ido ao nosso estúdio. Em geral, é assim:

1) nos primeiros 5 a 10 minutos procuramos saber como está sua voz, como foi o estudo da semana e se você tem dúvidas (aproveitamos também para deixar você mais descontraído);

2) Em seguida, passamos exercícios de aquecimento e depois de técnica vocal;

3) por fim, trabalhamos em seu repertório.

No caso das aulas de canto ONLINE realmente não há diferença no item 1.

No item 2, temos que fazer algumas adaptações porque os aplicativos de vídeo chamado tem um pequeno atraso entre o que o treinador vocal toca e o que o aluno canta. Nós temos pelo menos 3 formas de fazer isso: (a) ou tocamos o acorde e você faz a escala ou o arpejo ou (b) enviamos as escalas gravadas e você faz com essas gravações durante a aula ou (c) enviamos o nosso áudio por fora de softwares de videochamada em uma solução customizada que possuímos de hardware e software – nesse caso conseguimos tocar o piano enquanto você canta.

No item 3, você toca a música ou a base instrumental da sua casa (ou de qualquer lugar em que esteja fazendo aula) e canta a melodia; também aqui não há diferença.

Resumindo, é no item 2 que fazemos alguma adaptação. Mas, na realidade, a primeira forma (a) é a mais indicada. Fazemos exercícios vocais assim até mesmo no estúdio com alunos mais avançados porque esse modo simula exatamente o que acontece em uma música (bases de acordes e a voz fazendo melodias). Então, por mais que haja uma dificuldade inicial, vale a pena tentar fazer esse jeito porque você pode crescer muito como cantor assim! Mas não se preocupe porque se você tiver muita dificuldade, vamos fazer da segunda ou terceira formas (b ou c) enquanto você vai estudar percepção musical (veja os posts 008 – Tenho que estudar teoria para cantar bem? e 002 – Será que tenho voz boa para cantar?) e quando nos sentirmos seguros, migramos para outro modelo.

E sobre as questões técnicas?

Bom, primeiro os pré-requisitos são:

1) Conexão com a Internet (10 ou mais mega são recomendáveis);

2) Celular, tablet ou computador (de preferência algum um pouco mais moderno – que tenha um áudio melhor);

3) Aplicativo ou programa de videochamada instalado.

Podemos ir melhorando essa configuração!

Para o item 1:

– Hoje, por exemplo, está bem acessível uma internet de 50 mega. Nesse quesito, o quanto mais, melhor. Na hora de escolher uma operadora, procure ver a mais rápida de sua região. O atendimento da rede varia também às vezes dentro da mesma cidade. Na hora de contratar, consulte a velocidade de UPLOAD também (essa é a velocidade com a qual você vai mandar áudio e vídeo para nós). Muitas empresas divulgam apenas a velocidade de DOWNLOAD (a velocidade com a qual você recebe áudio e vídeo do nosso sistema) ou colocam uma velocidade de upload muito baixa;

– Reinicie seu modem 10 minutos antes da aula (abra algumas vezes o botão ligar, tire da tomada por 5 minutos e volte a ligar);

– Se puder, dê preferência para a rede 5G ou conecte o computador via cabo de rede. Existe até um aparelho chamado powerline que permite transmitir o sinal da Internet via rede elétrica de um cômodo para o outro caso o wifi no local que você pretende fazer a aula não seja muito bom. Adquira o sabre!

Para o item 2:

– Escolha o dispositivo mais moderno ou com melhor áudio que você tem. Celulares, tablets e computadores da Apple sempre são melhores nesse ponto, mas os preços no Brasil às vezes são proibitivos;

– Se os seus dispositivos tiverem todos a mesma qualidade de áudio, dê preferência para usar um computador. Nele você pode abrir links de uma forma melhor, fazer anotações em algum software e conectar microfones, câmeras etc;

– Se estiver fazendo pelo computador e puder investir em um microfone externo, recomendamos o Samson C01u PRO. Ele não só poderá entregar uma qualidade melhor para o seu vídeo chamado, mas também será muito útil para você gravar seu estudo. Uma vantagem desse modelo é que ele tem saída de fone de ouvido e permite que você monitore em tempo real o que está cantando. Alguns celulares e tablets (novamente, principalmente da Apple) permitem conexão com microfones externos. Dê uma pesquisada!

– Procure fazer uma aula de fone de ouvido. Pode ser até um daqueles que vêm com o celular e têm microfone embutido. Os fones originais dos celulares médios e bons costumam ter uma qualidade razoável. Se puder investir em um fone mais profissional, recomendamos o Audio-Technica ATH-M20x;

– Costuma ser sempre melhor tocar a música (ou base instrumental) que vamos trabalhar ou o áudio que enviamos (do piano e do nosso microfone) em um dispositivo diferente daquele que estamos usando para fazer a videochamada. Por exemplo, se você estiver usando o computador para o Skype, seria melhor tocar a base ou música no seu celular e vice-versa.

Para o item 3:

– Podemos fazer a chamada de vídeo a partir de qualquer aplicativo que você queira: Skype, FaceTime, Google Hangouts, Zoom, WhatsApp etc. Damos preferência para o Skype ou Zoom. O menos indicado é o WhatsApp por ter que ser feito exclusivamente no celular, perdendo todo o nosso setup específico;

– De toda forma, o áudio desses aplicativos todos é muito ruim. Nós usamos uma solução personalizada que envolve hardware e software para mandar o áudio em altíssima qualidade para você. O vídeo e o áudio do seu microfone continuam sendo pelo aplicativo. Se você quiser, pode nos consultar sobre como usaria a nossa solução personalizada para mandar para o nosso sistema também seu áudio em alta resolução.

Uma última peça importantíssima é o preparador vocal em si. Ele deve ter feito já várias aulas on-line para saber como usar todos os recursos, resolver os problemas e entregar para você a melhor experiência possível nesse mundo futuro que, cada vez mais, será ONLINE.

Raphael Begosso

Raphael Begosso

Formado em Música com habilitação em Composição e Regência pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), a melhor faculdade de música do Brazil. Como um dos melhores alunos de sua turma, conseguiu uma bolsa da CNPQ e foi convidado para integrar um grupo de pesquisa científica conhecito como PET. Raphael trabalhou como diretor, arranjador, e produtor de muitos grupos vocais e corais. Seu grupo CantaMais fez shows por várias cidades de Sãp Paulo e foi convidado para fazer uma participação num programa de TV chamado Programa do Jô da rede Globo de televisão (você pode achar esse vídeo em nosso canal do YouTube). Ele estuda voz desde 1998 e é um vocal coach dede 2002. Estudou tamabém piano, guitarra, violão erudito e canto coral na Escola de Música do Estado de São Paulo (antiga ULM) Um dos grandes mentores de Raphael é Brett Manning que aplica o Singing Success – método de eficiência comprovada e usado por vários cantores famosos e ganhadores de prêmios Grammy, MCA Awards and Dove comoHayley Williams (Paramore), Taylor Swift, Keith Urban, Mark Kibble and Claude Mcknight (Take 6), Michael Barnes, Luke Bryan entre outros.

Leia Mais

Contato

Não perca a oportunidade de transformar seu sonho em realidade!

AGENDE AGORA SUA PRIMEIRA AULA

Obrigado pela sua solicitação! Em breve um membro do nosso time entrará em contato com você.

Se você precisar de uma forma de contato mais rápida, tente um dos métodos abaixo.
Abrir bate-papo
1
💬 Precisa de ajuda?
Escanear o código
Olá 👋
Como podemos ajudar você?